VISITANTES

AULA PARA CUIDADORES DE IDOSOS

Os alunos do curso puderam ver que, além dos cuidados básicos,
dos quais muitos idosos necessitam, é necessário ter conhecimento
específico para cuidar de quem tem Doença de Parkinson.
Muitos fatores (ambiente, clima, emoções, entre outros) podem
exacerbar os sintomas. É preciso saber como agir nesses momentos,
conhecer técnicas específicas para minimizar tremor e rigidez, estratégias
para iniciar movimentos, diminuir riscos e facilitar a vida cotidiana,
proporcionando mais autonomia ao paciente e minimizando o desgaste
do cuidador. Afinal, como cuidar de quem tem Doença de Parkinson?
Clique Aqui
 

USUÁRIOS ONLINE

Nós temos 7 visitantes online

INFORMATIVO

APPP - Associação Paranaense dos Portadores de Parkinsonismo - 2013